quarta-feira, 16 de março de 2011

Japão




Rosa Pena


As cerejeiras, mais ou menos vivas,
insistem, com muita garra, em acreditar:
Paz nas terras, nas águas e nos homens.

2 comentários:

  1. E no amor, acreditar no amor também. Beijão RosAmiga.

    ResponderExcluir
  2. Valeu Osv querido.. beijos mil..rosa

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita. Esperamos que volte